Elevar-se ao próximo nível

Menu Principal

Eventos & Cursos


Menu Principal

Assinatura


Torne-se membro

Descubra mais sabedoria e práticas para elevar a si mesmo, a sua vida e as pessoas ao seu redor. De artigos e vídeos semanais a aulas e eventos com transmissão ao vivo e presencialmente, há um plano de assinatura para todos.

Veja planos de assinatura
Assinatura em Destaque:
Comunidade
  • Benefícios inclusos:
  • Participe de webinars interativos toda semana
  • Assista a cursos completos on demand
  • Aproveite descontos em eventos, orientação em serviços individuais e produtos*
  • E muito mais...
  • Junte-se Hoje
  • *Nas localidades participantes. Haverá restrições aplicadas.
Menu Principal

Orientação


Vá ainda mais fundo na sabedoria da Kabbalah com orientação personalizada e leituras de mapas.
Encontro gratuito com um professor

Nossos instrutores dedicados estão aqui para ajudá-lo a navegar em sua jornada espiritual.

Solicite o Seu
Leitura de Mapa Astral Kabalístico

Aprender sobre nossa alma por meio de um mapa astrológico ajuda a dar mais significado e maior compreensão às experiências que enfrentamos, às pessoas que conhecemos, ao trabalho que fazemos e às bifurcações da estrada.

Agende uma leitura de mapa
Orientação Pessoal - Serviços do Kabbalah Centre

Sessões personalizadas individuais com um instrutor para aprofundar em uma área que lhe interessa ou oferecer suporte onde você mais precisa. As reuniões abrangem desde relacionamentos, tikkun e estudo profundo do Zohar, todas personalizados especialmente para você.

Reserve uma Sessão de Orientação

Elevar-se ao próximo nível

Karen Berg
Maio 28, 2023
Curtir 34 Comentários 7 Compartilhar

Algumas vezes, nós usamos a espiritualidade como uma desculpa para a preguiça. Eu já fiz isso. Você já fez isso. Todos nós já fizemos. É uma das grandes armadilhas de se tornar uma “pessoa espiritualizada”. Por exemplo: Meditação é uma ferramenta espiritual muito poderosa, mas se você ficar na cama o dia inteiro e meditar para ficar magro, adivinhe? Não vai acontecer… Acredite em mim, eu sei.

"Então devemos primeiro aprender a nos elevar a nós próprios."

À medida que avançamos na jornada do nosso caminho espiritual, penso que muitos de nós, em certo ponto, comete o erro de acreditar que um estilo de vida espiritual é aquele que ignora o mundo da fisicalidade. Mas, se este é o caso, então por que estamos aqui? Uma pessoa pode sentar no topo da montanha cantando e orando o dia  inteiro, por toda a vida. Isso faz dela uma pessoa espiritual? Bem, eu não sei, mas uma coisa em que acredito, pessoalmente, é que quando chegarmos ao mundo superior, primeiro irão nos perguntar: De que forma você mudou o mundo para melhor durante seu tempo na Terra? Como você compartilhou com seu próximo? De que forma você fez melhor a vida dos outros, já que era parte também?

Se a espiritualidade é definida como elevar-se acima da fisicalidade, então devemos primeiro aprender a nos elevar a nós próprios. O trabalho espiritual é sobre elevar-se acima do egoísmo, e ao invés disso, escolher ser generoso. É sobre elevar-se além do julgamento, e escolher, em vez disso, ser misericordioso. É sobre escalar a montanha em direção à nossa melhor versão, subindo degrau por degrau. A grande dádiva de fisicalidade é que ela nos dá os meios para isso. Pense nisto. Em Pêssach, usamos uma refeição física, o Seder, como uma forma de tocar Biná, e atingir total liberdade espiritual. Em Shavuot, usamos a Torá física para tocar a Luz da imortalidade. Isto é uma verdade não só nas aberturas cósmicas, mas em todos os dias. Revelamos a grande Luz superior por meio de ações físicas - a cada momento em que ajudamos um vizinho com as compras, somos voluntários em um abrigo de pessoas sem-teto, enviando um e-mail gentil, ou dando um sorriso a um estranho.

Um estilo de vida espiritual é aquele que incorpora o espírito em cada faceta das nossas vidas humanas.

A porção desta semana se intitula Beha´alotcha, que significa (você acertou!) “elevar-se acima”. Faça como sua prioridade pelos próximos sete dias aprimorar-se, ser melhor hoje do que ontem. E lembre-se, em cada ato de bondade que fazemos ao outro, nos elevamos de um patamar onde estávamos alguns minutos atrás!

É nos simples gestos de fazer deste mundo físico um lugar melhor para se estar que nos elevaremos acima da nossa versão anterior, e elevando o mundo no processo.


Comentários 7